ABE-EAD divulga “Pesquisa Estudantes EAD 2010”

Pesquisa ABE-EAD 2010 sobre qualidade dos cursos de graduação a distância

Em meio a um forte processo de supervisão junto as instituições que ofertam cursos de graduação a distância por parte da SEED / MEC que causou bastante confusão na cabeça de alunos e gestores em instituições de todo o país, a ABE-EAD (Associação Brasileira dos Estudantes de Educação a Distancia) pelo segundo ano consecutivo realiza no Brasil uma pesquisa junto aos estudantes de graduação a distância com o objetivo de ouvi-los sobre a qualidade de seus cursos.

Tendo como objetivo expressar o julgamento dos estudantes sobre o que eles acham de seus cursos e como avaliam os processos utilizados pelas instituições que freqüentam para a construção do conhecimento universitário, focamos a abrangência da pesquisa nas instituições privadas que possuem credenciamento para a oferta de graduação a distância, excluindo aquelas que foram descredenciadas até junho de 2010 por força de supervisão do Ministério da Educação.

Iniciamos o processo de captação dos dados utilizando o mesmo questionário elaborado no ano de 2009 que contém 40 (quarenta) questões relacionadas a qualidade dos processos utilizados para a oferta dos cursos de educação a distância e que foi construído com a participação de diversos membros da comunidade de EAD. (segue em anexo questionário)

Foram avaliadas 56 (cinqüenta e seis) instituições que até junho de 2010 tinham turma de graduação em andamento há no mínimo 6 meses independente da quantidade de alunos matriculados ou de seu modelo pedagógico. Os dados referentes as IES pesquisadas foram captados junto ao ministério da educação através da SEED, retirados do Censo EAD e/ou solicitados diretamente as instituições.

Excluímos da pesquisa as instituições que:

  • Ofertam EAD apenas para complementação pedagógica;
  • Ofertam EAD apenas para pós graduação;
  • Não possuíam turmas de graduação a mais de 6 messes até junho de 2010;
  • Haviam sido descredenciadas para a oferta de graduação a distância pelo MEC até junho de 2010;

Ao contrario de 2009 onde abordamos todos os estudantes durante os encontros presenciais nos pólos de apoio, este ano optamos por contatá-los de forma híbrida ora presencial ora por contato telefônico com estudantes já cadastrados em outras atividades da ABE-EAD, sendo as questões exatamente iguais em ambos os casos.

Foram entrevistados 15.012 (quinze mil e doze) estudantes matriculados em 56 (cinqüenta e seis) instituições privadas entre os dias 01 julho e 29 de outubro de 2010 em todos os estados brasileiros. As entrevistas foram estimuladas, ou seja, o pesquisador da ABE-EAD lia as questões e o entrevistado escolhia uma entre as 5 (cinco) opções de resposta.

Devido a grande variação no número de alunos entre as instituições utilizamos um critério para a amostragem da pesquisa:

–          IES com menos de 10.000 (dez mil) alunos, entrevistamos 5% (cinco por cento) dos alunos.

–          IES com mais de 10.000 (dez mil) alunos entrevistamos 500 alunos.

As entrevistas presenciais ocorreram em momentos diversos observado as variadas datas para a realização de encontros presenciais no calendário das instituições sendo intercaladas com as entrevistas por telefone de forma que todas as IES tiveram entrevistados presenciais e por telefone.

A escala de notas dispostas no questionário foi baseada nas utilizadas pelo INEP (Instituto Anísio Teixeira) sendo:

–          1 péssimo;

–          2 ruim;

–          3 satisfatório;

–          4 bom;

–          5 ótimo.

A fórmula utilizada para chegarmos ao resultado de nota geral foi primeiro excluirmos 20 (vinte) entrevistas do total de questionários de cada IES sendo 10 (dez) questionários com as maiores notas e 10 (dez) com as menores notas,  soma – se  as notas ofertadas pelos alunos individualmente, dividi-se pelo número de alunos entrevistados, e novamente dividi-se pelo número de questões (NI + NI) / (NAE) / (NQ)= NG

As notas gerais indicam a qual grupo cada IES ficará novamente na escala de 1 a 5 apresentada anteriormente e para chegarmos a este resultado utilizamos a seguinte escala:

IES com nota geral entre 1 e 1.74 nota final – 1

IES com nota geral entre 1.75 e 2.74 nota final – 2

IES com nota geral entre 2.75 e 3.74 nota final – 3

IES com nota geral entre 3.75 e 4.74 nota final – 4

IES com notas acima de 4.75 nota final – 5

Veja na tabela abaixo as IES pesquisadas e suas notas.

Relação geral das instituições avaliadas

IES                                                            Nota Geral                                     Nota Final

FGV 4.91 5
AIEC 4.75 5
CESUMAR 4.70 4
UNISUL 4.69 4
UNINTER 4.68 4
PUC* 4.67 4
UNIASSELVI 4.65 4
CLARETIANO 4.63 4
METODISTA 4.62 4
COC 4.61 4
UNOPAR 4.52 4
ANHANGUERA 4.31 4
UCDB 4.30 4
FGF 4.25 4
UCB 4.21 4
UNIFACS 4.19 4
CBTA / INED 4.17 4
UVB** 4.16 4
A VEZ DO MESTRE 4.14 4
UNIV. CAXIAS DO SUL 4.13 4
OPET 4.11 4
BRAZ CUBAS 4.09 4
UNIV. CONTESTADO 4.08 4
UNIUBE 4.05 4
UNISINOS 4.04 4
UNIVERSO 4.02 4
SOCIESC 3.99 4
UNISA 3.98 4
UNIARARAS 3.95 4
FAPI 3.92 4
UNAERP 3.90 4
UNIJORGE 3.84 4
UNIFRAN 3.83 4
UNIGRAN 3.79 4
UNIJUÍ 3.78 4
FEAD 3.49 3
UNIP 3.38 3
INSEP 3.37 3
UNINCOR 3.34 3
UNIPAR 3.31 3
UNIS 3.22 3
UNOESC 3.20 3
ESTÁCIO DE SÁ 3.12 3
UNICEUMA 3.01 3
UNIT 2.99 3
UNIVALLE 2.91 3
FACAM 2.89 3
FARES 2.86 3
FAEL 2.85 3
UNITAU 2.82 3
FINOM 2.79 3
FUMEC 2.76 3
UNIMES 2.28 2
FTC 2.11 2
UNICID 1.73 1
ULBRA 1.72 1
* Em razão de terem obtido a mesma nota a PUC (SP) PUC (RJ) e PUC (MG) foram definidas como PUC.
** Foram avaliadas as IES que fazem parte deste consórcio UVB (Universidade Virtual Brasileira) Anhembi Morumbi, Veiga de Almeida, Unimonte, Unama e Universidade Potiguar.

As maiores IES de EAD do Brasil

Partindo da relação geral apresentada anteriormente, selecionamos apenas as IES que tenham mais de 20.000 (vinte mil) alunos de graduação para apresentarmos as 10 melhores entre as maiores IES do Brasil.

IES                                          Nota Geral                             Nota Final

1) UNINTER                             4.68                                          4

2) UNIASSELVI                       4.65                                        4

3) METODISTA                      4.62                                           4

4) COC                                        4.61                                           4

5) UNOPAR                             4.52                                           4

6) ANHANGUERA                4.31                                           4

7) UNIUBE                              4.05                                           4

8) UNISA                                  3.98                                           4

9) UNIP                                     3.38                                           3

10) ESTÁCIO DE SÁ              3.12                                           3

Observações importantes

A ABE-EAD (Associação Brasileira dos Estudantes de Educação a Distância) ao desenvolver esta pesquisa leva em consideração exclusivamente a opinião dos estudantes, suas críticas e elogios aos processos utilizados durante a construção do conhecimento ao longo do curso no qual esta matriculado, sem a preocupação de observar se determinada instituição possui em seu corpo docente mestres e doutores, qual o valor de sua mensalidade, se seu material é ou não incluso no valor da mensalidade ou até mesmo qual é o modelo de EAD que esta ofertando.

Nosso objetivo é dar voz aos estudantes e ajudar na avaliação institucional das instituições contribuindo para a melhoria geral na qualidade dos cursos de EAD ofertados no país.

(Fonte: ABE-EAD)